Tráfego Online – Entenda quais são os tipos e como atrair mais visitantes para o seu site

Você vai aprender:

Para compreender o que é tráfego online, imagine que você vai abrir uma loja física de roupas, e você tem duas opções de locais, um em uma avenida supermovimentada e outro em uma rua mais calma sem movimento. Qual desses locais é o melhor para abrir a sua loja e atrair clientes? Certamente você responderá que é em uma avenida movimentada, afinal, com um fluxo maior de pessoas conhecendo a sua loja, as chances de vendas também serão maiores. É a mesma coisa com o tráfego online!

Tráfego nada mais é que o fluxo de pessoas que acessam o seu site. Se não existe tráfego em seu site, ele não irá vender nada!

Existem várias formas de levar um usuário ao seu site, gerando mais visitas que podem ser convertidas em vendas.

Neste artigo vamos listar alguns tipos de tráfego online que podem aumentar as visitas do seu site.

Tráfego direto

O tráfego direto é o tipo de tráfego onde o usuário acessa diretamente o seu site pela sua URL, ou seja, quando o usuário digita o domínio do seu site na barra de endereço.

Isso é ótimo, pois significa que o seu site está gravado na mente do seu público, e que seu público já tem sua empresa como referência para suprir as necessidades.

Mas esse tipo de tráfego não é tão simples de conseguir e dificilmente será a maior fonte de tráfego do seu site. Para conquistar esse tráfego é preciso gerar conteúdo relevante e se tornar uma autoridade no seu segmento, e isso leva tempo.

Tráfego social

O tráfego social é o fluxo de pessoas que acessam o site através de um link nas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Instagram, etc.

Uma das melhores formas de aumentar o tráfego social é compartilhando conteúdo do seu blog nas redes sociais por meio de links.

Não se esqueça de criar conteúdo relevante para a sua persona, fazer uma boa descrição do conteúdo no seu post e incluir uma chamada para a ação para convencer o usuário a sair da rede social e navegar em seu site.

Tráfego orgânico

O tráfego orgânico sem dúvida é um dos mais rentáveis para o seu site, já que por ser orgânico você não precisa gastar dinheiro com anúncios.

Para conseguir um tráfego orgânico relevante é imprescindível que as páginas do seu site apareçam nas primeiras posições dos sites de buscas, e para ranquear o seu site nas primeiras posições é necessário trabalho árduo.

Além de criar conteúdos relevantes para a sua persona, é preciso aplicar em todo o site técnicas de SEO (Search Engine Optimization).

SEO é um conjunto de estratégias que tem como objetivo potencializar e melhorar o posicionamento de um site nos resultados orgânicos de busca, ou seja, aqueles que não são provenientes de anúncios pagos.

Se quando o usuário pesquisar pelo seu produto ou serviço e sua página estiver bem ranqueada nos buscadores, como por exemplo, o Google, o seu site terá muito mais chances de atrair público e gerar mais conversões, sejam elas, vendas, agendamento, cadastros, etc.

A descrição do seu site deve ser persuasiva para atrair o usuário e convencê-lo a clicar no seu site ao invés de clicar nos seus concorrentes.

Tráfego pago

O tráfego pago é o tipo de tráfego onde você precisa pagar para atrair mais visitantes para o seu site.

Esse tipo de tráfego é gerado através de anúncios pagos no Google, Bing, Facebook, e etc.

O anúncio pago, diferente do tráfego orgânico garante que você terá mais visitantes no seu site, afinal, você está pagando por isso, mas é imprescindível aprender as técnicas adequadas para não gastar além do que deve e não ter resultados efetivos.

Através dos anúncios pagos você pode promover seus produtos, segmentando para o seu público-alvo e a região que você quer atingir, desta forma você atrairá mais pessoas propensas a comprar seus produtos, ou realizar a ação esperada dentro do seu site.

Além dos anúncios, é possível também criar listas de remarketing. O remarketing (também conhecido como retargeting), é uma técnica de publicidade online que identifica usuários que já acessaram o site, mas não efetivaram a compra, e exibe os anúncios novamente, fazendo com que o usuário retorne ao site para concluir a ação.

Tráfego referencial

O tráfego referencial é gerado através de links para o seu site em outros sites ou blogs, ou seja, é gerado quando um site menciona a sua página e inclui um link para que o usuário clique e chegue até o seu site ou blog.

Esse tipo de tráfego é válido se o público que acessa o site que te indicou tiver interesse também pelo conteúdo que você está gerando na sua página.

É comum que alguns sites cobrem para incluir esse link que irá direcionar os usuários do site dele para o seu site, ou ofereça algum tipo de parceria.

E-mail marketing

Outra boa fonte de tráfego para o seu site é o e-mail marketing.

Ao contrário do que muita gente pensa, pesquisas mostram que o e-mail marketing ainda é uma das ferramentas mais poderosas na atualidade para melhorar seus negócios no meio digital.

Para usar essa ferramenta com o objetivo de aumentar o tráfego do seu site ou blog, você pode promover conteúdos exclusivos de acordo com o funil de vendas, fazer promoções de produtos, divulgar um evento, e etc.

Como saber qual é a melhor fonte de tráfego?

Para saber qual é a melhor fonte de tráfego para o seu site é necessário analisar qual a sua estratégia e onde está a sua persona. Por exemplo, caso a sua persona seja avessa às redes sociais, utilizar uma estratégia nas mídias sociais pode não gerar os resultados esperados.

Por isso antes de decidir por uma ou outra fonte de tráfego é imprescindível conhecer a sua persona, saber qual a melhor linguagem e conteúdo para atraí-la para o seu site.

Desta forma suas estratégias serão muito mais assertivas, seu site atrairá mais visitantes qualificados e consequentemente mais retorno financeiro para o seu negócio.

Gostou do conteúdo? Compartilhe com seus amigos.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email